Return to site

Fundação Grupo Boticário vai apoiar soluções inovadoras para alavancar o turismo em áreas naturais no Brasil

· Notícias

​Instituição mapeou as quatro principais demandas do setor para que propostas sejam cocriadas pela sociedade para atendê-las. As melhores ideias receberão mentoria e apoio financeiro para serem colocadas em prática.

Quatro grandes áreas carecem de boas ideias, soluções inovadoras e recursos para alavancar o turismo responsável em áreas naturais do Brasil. Uma atividade econômica que necessita de incentivos para aproveitar a mais rica biodiversidade do mundo e apresentar ao visitante nossas exuberantes paisagens naturais sem que a natureza seja agredida. Os desafios mapeados pela Fundação Grupo Boticário de Proteção à Natureza envolvem soluções para observar animais e plantas, novos modelos de negócios que tenham o turismo de natureza no planejamento, inovações que melhorem a experiência do turista e mecanismos que contribuam com o engajamento do visitante a favor da proteção do meio ambiente.

Para chegar ao diagnóstico, a instituição contou com a participação de 483 respondentes em todo o País, que apresentaram 553 desafios relacionados ao turismo em áreas naturais. Essa foi a primeira etapa da “teia de soluções”, um processo de cocriação lançado neste ano com o objetivo de envolver diversos atores da sociedade em busca de soluções que aprimorem o turismo de natureza no Brasil. Ao final de quatro etapas, as melhores propostas que aliam o turismo com a proteção da biodiversidade receberão, ao todo, até R$ 2 milhões para serem viabilizadas.

“Ficamos muito satisfeitos com o envolvimento da sociedade até este momento. Agora, queremos incentivar a cocriação de soluções para desenvolvermos no Brasil uma modalidade de turismo que traga impactos positivos e duradouros para a conservação da natureza, promovendo também benefícios socioeconômicos. O setor do turismo é um dos mais afetados pela pandemia que vivemos e a visitação de áreas naturais tende a ser uma das atividades turísticas mais demandadas. Uma área com muitas oportunidades e que precisa de incentivo e de ideias inovadoras, escalonáveis e financeiramente sustentáveis”, explica a diretora executiva da Fundação Grupo Boticário, Malu Nunes.

Veja mais sobre a matéria acessando o link abaixo.

All Posts
×

Almost done…

We just sent you an email. Please click the link in the email to confirm your subscription!

OK